GALERIA

Entrevista Guilherme Coelho da Costa


A Review Energy conversou com Guilherme Coelho da Costa, gerente da unidade de energia solar on grid da Intelbras, para conhecer as novas tecnologias da empresa – que se destacaram na feira INTERSOLAR 2021 – e se inteirar dos desafios que o setor tem pela frente.

Quais são os maiores desafios que as empresas do setor energético enfrentam neste momento? Como superá-los e crescer ainda mais?

O setor energético encontra-se em franca expansão no Brasil, e isso resulta tanto da regulamentação do mercado fotovoltaico quanto da crise hídrica que atinge o país. A expectativa para 2022 é de que o mercado continue crescendo, sendo assim, o maior desafio é garantir o suprimento material para as empresas do setor. Nesse contexto, a INTELBRAS vem fazendo todo o esforço possível para que consumidores residenciais, comerciais e industriais se beneficiem com a energia solar ainda neste ano. Os desafios são muitos, mas acreditamos no potencial do mercado e na nossa marca para os anos que vem pela frente.

 

Que inovações a INTELBRAS tem para esse mercado em expansão?

 

A INTELBRAS é uma empresa brasileira com 45 anos no mercado. No segmento de energia solar, oferece tanto soluções tecnológicas on grid, que são conectadas à rede de energia, quanto off grid, que não necessitam da rede de energia elétrica. Entre os benefícios proporcionados, na linha off grid destacam-se a sustentabilidade e a economia. Os inversores de alta potência que estão sendo lançados, por exemplo, são indicados a usinas de maior porte, e vêm para complementar nosso portfólio para clientes residenciais, comerciais e industriais. Quanto aos produtos off grid, já estamos realizando alguns pré-lançamentos que estão sendo muito bem recebidos pelo mercado, como a Luminária Solar Integrada - LSI 4800, que é livre de fios, dispensa a conexão com a rede elétrica convencional, possui três dias de autonomia, pode ser instalada em parede ou postes e configurada via controle remoto. Nossa ideia é ter um portfólio bastante diversificado para atender às necessidades de todos os públicos.

 

Quais são as expectativas da INTELBRAS para o setor de energias renováveis em 2022, período pós-pandemia?

 

O mercado aqueceu bastante nos últimos meses, principalmente com a PL 5829 aprovada recentemente na Câmara, ação que deu um impulso muito grande para o setor.  A expectativa é de que 2022 seja um ano com resultados positivos, já que um número considerável de pessoas está migrando para a energia solar, aproveitando a isenção de conexão à rede até o final do ano. Tudo isso mostra que o próximo ano será de oportunidades. Com um setor que cresce dia após dia, haverá muito espaço para todos.

 

Guilherme Coelho da Costa - Gerente de Energia Solar On Grid da Intelbras

Formado em ADM/Comércio Exterior pela Univali, campus Itajaí. Pós-graduado em Gestão de Negócios Internacionais pela FGV, Guilherme é um profissional com ampla experiência no mercado internacional, destacando-se as idas recorrentes à Ásia para tratar de relacionamento, negociações e feiras de nicho. Atua desde 2014 na Intelbras e, em 2018, iniciou junto com a empresa sua trajetória no mercado fotovoltaico. Hoje é responsável pelo segmento de Energia Solar On Grid da Intelbras, empresa brasileira com 45 anos de história, tendo em sua gestão as equipes de P&D e Negócios.

Energia Solar On Grid da Intelbras

Comentarios

  • Sé el primero en comentar...


Deja tu comentario